domingo, 28 de março de 2010

Revistas alemãs oferecem até 1 milhão de euros para quem caluniar o Santo Padre.

Mídia laicista  alemã começa a incentivar calúnias contra o Santo Padre Bento XVI. Segundo o Site alemão Kreuz.net a revista ale "Der Spiegel” está oferecendo 1 milhão de Euros para quem caluniar o Santo Padre de abusos sexuais. O objetivo é levantar uma onda de difamações contra o Sucessor de Pedro. A revista Schmiermagazine está oferecendo os mesmos valores a ex-seminaristas que foram alunos do Santo Padre nas décadas de 60 e 70 que caluniarem o Romano Pontífice por abusos.
O intuito destas revistas é a calúnia e a difamação, eles querem que alguém acuse o Papa para levantar rumores e suspeitas, não lhes interessa a verdade, apenas atacar a moral do Pontífice.
Veja você mesmo.


Kreuz.Net
Gloria.Tv

***
Vocês percebem, irmãos, a motivação?

Dá para acredidar em tudo que é publicado com esse tipo de “incentivo” capaz de atrair inimigos da Igreja e supostas vítimas, ávidas por Euros?

Fonte: Blog Shalom

5 comentários:

  1. Meu Deus! Que absurdo! A que ponto chega um ser humano por ódio a Deus. Não vejo outra razão se não querer destruir a Igreja de Cristo.

    ResponderExcluir
  2. http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI4357724-EI8142,00-Religiosos+denunciam+campanha+contra+o+Papa+apos+escandalos.html

    ResponderExcluir
  3. Pedro,isto chama-se arrogância e orgulho.Quando o ser humano quer ser rebelde ,se deixa contaminar com o fermento do maligno.
    MAS AS PORTAS DO INFERNO NÃO PREVALECERÃO,NÃO ADIANTA ,ISTO JÁ FOI DECIDIDO POR DEUS.

    ResponderExcluir
  4. Boa noite, “Paz a esta casa.” São Mateus 10, 12.

    Como não respondeu no VS blog, sou obrigado a repetir o texto lá postado (ou será que meu post não merece resposta?).
    Bem, lá vai a questão:
    Só pude entrar no http://www.kreuz.net/article.10828.html e está em alemão. O link de tradução deles também não deu para acessar no meu computador.
    É possível apresentar a tradução do artigo para o Português? Assim teriamos melhores condições de analisar e dizer alguma coisa.
    Estranho o artigo, a princípio. E não há nenhuma manifestação oficial da Igreja? Nenhum processo contra a revista, ou algo parecido? Estranho…
    Bem, aguardo manifestação do sr. Taiguara, ok?
    Abraços e Cristo Jesus, o Ressuscitado, nos abençoe e guarde do maligno. Amém.

    ResponderExcluir
  5. Prezado Carlos,

    Não é que seu comentário não valha resposta. Não mais faço parte do Veritatis Splendor, então não sei como andam as coisas por lá. Quanto ao teu comentário aqui, estava tendo problemas com o tempo, e por isso fui procrastinando a aprovação dos comentários. Daí a demora...

    Quanto às tuas perguntas:

    Recebi esta notícia por e-mail do meu amigo - agora também autor aqui, Mateus Mota - e a veiculei aqui no Blog. A notícia é cópia do Blog Shalom. Também não leio bem em alemão para ser capaz de traduzir a notícia original, mas do que li e entendi em Kreuz, o que está dito lá é o mesmo que aqui.

    Não me consta se há processo contra a revista ou alguma manifestação oficial da Igreja. Caso saiba de algo, comente aqui, para que eu possa imediatamente veicular.

    Meu cordial abraço!

    ResponderExcluir